É POP na Web! ACADEMIA DO ROCK INAUGURA FRANQUIA EM SÃO PAULO, NO BAIRRO DE MOEMA - É POP na Web!

ACADEMIA DO ROCK INAUGURA FRANQUIA EM SÃO PAULO, NO BAIRRO DE MOEMA

Franquia de Rock ensina adultos e crianças com estilo musical

Agora é a vez dos paulistas. Localizada em pleno Bairro de Moema, Zona Sul de São Paulo, a tradicional escola de música de Curitiba, amplia suas atividades e inaugura da escola mais cobiçada e moderna de ensino de música, a Academia do Rock.

Com 190m², dez salas e dois estúdios para aulas de bateria e ensaios, os alunos poderão aprender dos mais simples acordes do Rock, até os mais complexos solos. “Todas as salas são totalmente equipadas com instrumentos de marcas consagradas. O estúdio serve para ensaio das bandas formadas na escola, para as gravações e para pequenas apresentações pois possuem tratamento acústico profissional, amplificadores valvulados, palco e iluminação cênica”, salienta Marcelo Freitas, empresário e idealizador da Academia do Rock desde 2011.

“A Academia do Rock surgiu pela vontade de ensinar música com qualidade, em um ambiente inspirador e preparado para treinar o aluno para tocar com banda.”, explica Marcelo. Com uma demanda grande, e avaliando um mercado promissor, fez com que o empresário curitibano entrasse no ramo das franquias. Hoje a Academia do Rock possui cinco unidades em operação e uma em fase final de construção, em Curitiba, Santo André, Campinas e a recém inaugurada em São Paulo.  “Em julho vamos inaugurar a unidade de São Caetano do Sul, nossa meta é encerrar 2019 com 10 unidades”, comenta Marcelo.

 

Sobre a Academia do Rock

A Academia do Rock surgiu para suprir uma carência no mercado em atender alunos que buscavam algo diferente das convencionais escolas de músicas da cidade. “Uma proposta contemporânea onde o aluno aprende a tocar, ensaia com uma banda de rock e sobe no palco a cada semestre para trocar de faixa”, explica Marcelo Freitas, fundador do empreendimento.

Hoje a Academia do Rock possui alunos, que vão dos 5 aos 68 anos. “Nosso público é variado. Temos a criança que gosta do rock, quer aprender um instrumento até o adulto, empresário, que busca na escola e nas aulas de rock, uma forma de desestressar do dia a dia. E não para por aí, pois o quadro de alunos da terceira idade, que buscam aprender o rock, por gostarem do estilo ou de um ídolo em específico ou apenas para acompanhar os netos e filhos vem crescendo”, explica Marcelo.

Desenhar a escola focado no clima do rock foi essencial para cativar os alunos. A sua estrutura física, conta com salas apropriadas para o aprendizado, estúdios para ensaio e gravações, totalmente equipado, para a realização dos trabalhos e uma loja de assessórios e instrumentos musicais. “Ao final de cada semestre realizamos uma apresentação denominada “Rock Hour” que marca o aprendizado e propicia ao aluno a possibilidade de subir no palco e se apresentar para um grande público”, explica.

“A Academia do Rock é um negócio inovador que transcende o ensino regular de música e proporciona uma experiência única ao aluno”, explica Marcelo. “Além de abordarmos toda temática do Rock e suas vertentes, despertamos no aluno o desejo de aprender, melhorar a cada aula, a cada apresentação e sobretudo interagir com outros músicos”, salienta. A escola oferece sete cursos regulares para todos os níveis com planos diferentes para aula individual, aulas em grupo e outros serviços que incluem ensaios com banda, gravações, serviços de luthier, venda de acessórios e organização de festivais.

Franquia

O setor de franquias teve faturamento de R$ 41,4 bilhões no primeiro trimestre deste ano, avanço de 7% ante o mesmo período de 2018. Com processosformatados e metodologia de ensino manualizada, a Academia do Rock passa a ocupar espaços em um segmento pulverizado e entrar no ritmo de expansão do setor de franchising.

Com método próprio, interativo e temático, a franquia é de custo acessível e com retorno do investimento previsto para 24 a 36 meses. Para o projeto, é necessária uma área mínima de 170 m2, e um investimento aproximado de 235 mil reais, já incluindo o capital de giro. “A Academia do Rock é a paixão que se transformou em um negócio lucrativo, de fácil operação e que faz bem as pessoas.”, finaliza Marcelo