É POP na Web! Dia do Rock: Top 10 dinossauros do Rock’n’Roll - É POP na Web!

Dia do Rock: Top 10 dinossauros do Rock’n’Roll

A playlist Best rock of All Time é uma das opções para celebrar o Dia Mundial do Rock

 

O Dia Mundial do Rock é sábado, 13, e o legado dessa revolução musical iniciada a partir dos anos 1940 nos Estados Unidos ainda vive e continua fazendo história e impactando gerações de legiões de fãs. Parte daqueles que espalharam o Rock’n Roll pelo mundo seguem em cima do palco ou na ativa, como Mick Jagger, Ozzy Osbourne, Paul McCartney, Robert Plant e outros, incluindo os nossos Rita Lee e  Nando Reis.

Mas qual dos nomes levantados é o mais ouvido no mundo nos dias de hoje? ‘Let it be’, porque a Deezer, plataforma de streaming global de áudio, levantou dados do último ano para resolver a questão e ainda investigou por onde andam. Uma notícia boa é que nossos roqueiros brasileiros aparecem de forma bastante significativa no ranking dos top 10. Ficou curioso? Confira abaixo e descubra não apenas quem são, mas também quais as músicas mais ouvidas.

 

10. Erasmo Carlos

Como se vivesse um “Convite para Nascer de Novo” – faixa mais ouvida do artista na Deezer -, o Tremendão segue com tudo aos 78 anos. Este ano, por exemplo, segue em turnê com seu último álbum “O amor é isso”, da qual a música citada faz parte, lançado em 2018. Erasmo, que falou sobre sua carreira no podcast Essenciais da Deezer, abre o nosso top 10 dos dinossauros do rock. Quem quiser entender a influência do nosso rockstar pode conferir sua cinebiografia “Minha Fama de Mau”, que traz Chay Suede no papel principal, lançada em fevereiro.

. Músicas mais ouvidas: “Convite para Nascer de Novo”, “É Preciso Dar Um Jeito”, “Meu Amigo”, “Mais Um Na Multidão”, “A Carta” e  “Do Fundo Do Meu Coração”.

. Divisão etária de quem ouve: 33% entre 26 e 35 anos; 25% entre 36 e 45 anos; 14% de 18 a 25 anos; 14% de 46 a 55; 13% com 60 anos ou mais e 1% com menos de 18 anos.

. Cidades que mais ouvem: São Paulo, Rio de Janeiro, Recife, Belo Horizonte e Fortaleza.

. Países que mais ouvem: Brasil, Paraguai, França, Irlanda e USA.

 

9. Courtney Love

A marcante frontwoman do extinto Hole, que lançou seu último álbum em 1998, este ano disse ao jornal britânico The Guardian que a banda está definitivamente considerando um retorno. “Celebrity Skin” é a música que marca a artista de 55 anos, que foi casada com Kurt Cobain, ex-vocalista do Nirvana e de quem ela confessou ter visto o fantasma durante entrevista recente à revista Interview.

. Músicas mais ouvidas: “Celebrity Skin”, “Malibu”, “Violet”, “Doll Parts” e “Northern Star”.

. Divisão etária de quem ouve:  38% entre 36 e 45 anos; 32% entre 26 e 35 anos; 15% de 18 a 25 anos; 10% de 46 a 55; 3% com 60 anos ou mais e 3% com menos de 18 anos.

. Cidades que mais ouvem: São Paulo, Paris, Rio de Janeiro, Curitiba e  Bogotá.

. Países que mais ouvem: França, Brasil, Reino unido, Alemanha e Colômbia.

 

8. Rita Lee

Roqueira ‘brazuca’ que dispensa apresentações, Rita Lee é uma referência feminina desde os anos 70. Conhecida como a “Rainha do Rock Brasileiro”, manteve a postura crítica até seu último show, feito em 2012 – de onde saiu direto para uma delegacia e assinou um boletim de desacato após, segundo as notícias, gritar com policiais que teriam agredido alguns fãs na plateia. Aos 71 anos ela segue em atividade, mas agora escrevendo: acaba de lançar o livro infantil “Amiga Ursa”. Ignorando a linha do tempo de grandes sucessos, o hit mais querido de Rita Lee pelos fãs é “Amor e Sexo”, lançada em 2003.

. Músicas mais ouvidas: “Amor e Sexo”, “Mania De Você”, “Ovelha Negra”, “Nem Luxo Nem Lixo” e “Esse Tal De Roque Enrow”.

. Divisão etária de quem houve: 33% entre 26 e 35 anos; 25% entre 36 e 46 anos; 18% de 18 a 25 anos; 16% de 46 a 55; 8% com 60 anos ou mais e 1% com menos de 18 anos.

. Cidades que mais ouvem: São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Curitiba e Recife.

. Países que mais ouvem: França, Brasil, Reino unido, Alemanha e Colômbia.

 

7. Joan Jett

“Doce e explosiva”, como diz a letra de “Cherry Bomb”, a mais ouvida pelos fãs, Joan Jett abriu caminho para muitas mulheres numa época em que se dizia que “rock and roll é só para homens”. Hoje com 60 anos, segue sua trilha: após cinco anos de jejum, lançou uma música inédita em 2018 e ainda ganhou um documentário para chamar de seu: “Bad Reputation” mostra o árduo caminho da estrela para conquistar o prestígio e a carreira. . .Músicas mais ouvidas: “Cherry Bomb”, “You Drive Me Wild”, “Dead End Justice”, “I Love Playin’ With Fire” e “Queens Of Noise”.

. Divisão etária de quem houve: 33% entre 26 e 35 anos;  27% de 18 a 25 anos; 21% entre 36 e 46 anos; 9% de 46 a 55; 6% com menos de 18 anos e 4% com 60 anos ou mais.

. Cidades que mais ouvem: Paris, São Paulo, Curitiba, Rio de Janeiro e Belo Horizonte.

. Países que mais ouvem: França, Brasil, Reino Unido, Alemanha e México.

6. Ozzy Osbourne

Quem nunca ouviu falar em “Os Osbournes”, reality show transmitido pela MTV entre 2002 e 2005 que deixou Ozzy Osbourne ainda mais pop? Mas há de se concordar que a música do Black Sabbath e sua carreira solo são bem maiores que isso. Não à toa, aos 70 anos, o rockstar é nossa lenda viva do rock número 6 entre os mais ouvidos. Apesar de ter que cancelar uma série de compromissos no início do ano por questões de saúde, Ozzy disse em maio ao site “Kerrang” que gostaria de performar um último show do Black Sabbath – dessa vez com a formação original, que inclui o baterista Bill Ward, ausente na turnê de despedida da banda que aconteceu entre 2016 e 2017.

. Músicas mais ouvidas: “Paranoid”, “Iron Man”, “War Pigs”, “Orchid” e “Heaven And Hell’.

. Divisão etária de quem houve: 32% entre 26 e 35 anos; 24% entre 36 e 46 anos; 22% de 18 a 25 anos; 12% de 46 a 55; 7% com 60 anos ou mais e 3% com menos de 18 anos.

. Cidades que mais ouvem: São Paulo, Paris, Curitiba, Rio de Janeiro e Belo Horizonte.

. Países que mais ouvem: Brasil, França, Alemanha, Reino Unido e Colômbia.

 

5. Nando Reis

“Estranho seria se eu não me apaixonasse por você”. A frase, que é parte da canção mais ouvida de Nando Reis na Deezer e que foi imortalizada pela parceria com Cássia Eller, “Relicário”, resume o posicionamento desse titã brasileiro no ranking dos dinossauros ainda na ativa. Apesar de, na verdade, estar mais para um dinossauro bebê – mesmo com 56 anos, não poderíamos deixá-lo de fora da lista de lendas do rock. Afinal, Nando Reis não sai do palco, se reinventa – como no recente álbum ‘Não Sou Nenhum Roberto, Mas às Vezes Chego Perto’. Além do amplo legado com o icônico “Titãs”, banda que deixou em 2002, Nando é sucesso na carreira solo e marcou muitos romances.

. Músicas mais ouvidas: “Relicário”, “Pra Você Guardei O Amor”, “Por Onde Andei” e “All Star”.

. Divisão etária de quem houve: 42% entre 26 e 35 anos; 24% entre 36 e 46 anos; 22% de 18 a 25 anos; 8% de 46 a 55; 3% com 60 anos ou mais e 1% com menos de 18 anos.

. Cidades que mais ouvem: São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Recife e Curitiba.

. Países que mais ouvem: Brasil, Irlanda, Estados Unidos, França e Portugal.

 

4. Steven Tyler

Um dos mais carismáticos frontmans e dono de um sorriso inconfundível – que concorre com a de Mick Jagger como marca -, Steven Tyler construiu 40 anos de rock e é nossa lenda número 4. Aos 71 anos e atualmente em turnê com sua Aerosmith, segue sendo “gentil” com fãs: ele se diverte “roubando” celulares dos fãs durante os shows para fazer vídeos e fotos em selfie.

. Músicas mais ouvidas: “Dream On”, “I Don’t Want To Miss A Thing”, “Crazy”, “Walk This Way” e “Cryin”.

. Divisão etária de quem houve: 35,3% entre 26 e 35 anos; 26,2% entre 36 e 46 anos; 19% de 18 a 25 anos; 10,5% de 46 a 55; 5% com 60 anos ou mais e 3% com menos de 18 anos.

. Cidades que mais ouvem: São Paulo, Paris, Rio de Janeiro, Bogotá, Curitiba.

. Países que mais ouvem: Brasil, França, Colômbia, Reino Unido, Alemanha

 

3. Robert Plant 

“Rock and Roll”, baby, porque o líder do Led Zeppelin é o nosso astro do rock vivo número 3. Robert Plant segue influenciando atualmente, mas não só por seu legado. Aos 70 anos e ativo, lançou em abril o podcast “Digging Deep, The Robert Plant Podcast”. Em um episódio recente, elogiou a formação original do grupo com o guitarrista Jimmy Page, o baixista e tecladista John Paul Jones e o baterista John Bonham: “um trio com algo como um cantor de casamentos posicionado à frente”, disse, modesto. Sem surpresa, a lendária e arrepiante “Stairway to Heaven” é a música mais ouvida de Robert Plant, seguida por

. Músicas mais ouvidas: “Stairway to Heaven”, “Whole Lotta Love”, “Immigrant Song”, “Good Times Bad Times” e “Black Dog”.

. Divisão etária de quem houve: 29% entre 26 e 35 anos; 26% entre 36 e 46 anos; 19% de 18 a 25 anos; 14% de 46 a 55; 8% com 60 anos ou mais e 3% com menos de 18 anos.

. Cidades que mais ouvem: Paris, São Paulo, Curitiba, Rio de Janeiro, Belo Horizonte.

. Países que mais ouvem: França, Brasil, Reino Unido, Alemanha, Estados Unidos.

 

2. Mick Jagger

O rebolado e o sex appeal inconfundíveis parecem imortais – e talvez sejam mesmo. O líder dos Rolling Stones, que passou por uma cirurgia coronária em Abril deste ano, apareceu dançando em sua conta no instagram em maio e seguirá turnês este ano. Apesar da antiga rivalidade Beatles X Stones, há de se concordar que quem ganhou com tudo isso foram os fãs – que, por sinal, elegeram “Start Me Up” como o hit mais ouvido com Jagger.

. Músicas mais ouvidas: “Start Me Up”, “Gimme Shelter”, “Paint It, Black”, “Beast Of Burden” e “Angie”.

. Divisão etária de quem houve: 26,3% entre 26 e 35 anos; 26% entre 36 e 46 anos; 16% de 18 a 25 anos; 17% de 46 a 55; 11,3% com 60 anos ou mais e 3,3% com menos de 18 anos.

. Cidades que mais ouvem: Paris, São Paulo, Curitiba, Belo Horizonte, Bogotá.

. Países que mais ouvem: Brasil, França, Reino Unido, Alemanha, Colômbia.

 

1. Paul McCartney

Não tem jeito, os Beatles são THE Beatles. Sir Paul McCartney, além de ter feito parte da maior banda de todos os tempos na opinião de muitos, segue firme com seu trabalho solo aos 77 anos e alcança a posição número 1 no ranking dos dinossauros do rock. Uma dica citada no início da lista deu um leve spoiler: “Let it Be”. Deixe ser, porque esta é música mais ouvida com a voz de Paul na Deezer globalmente.

. Músicas mais ouvidas: “Let it Be”, “Day Tripper”, “Come Together”, “Here Comes the Sun” e “Twist and Shout”.

. Divisão etária de quem houve: 26% entre 26 e 35 anos; 23% entre 36 e 46 anos; 21% de 18 a 25 anos; 13% de 46 a 55; 11% com 60 anos ou mais e 6% com menos de 18 anos.

. Cidades que mais ouvem: Paris, São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Curitiba.

. Países que mais ouvem: França, Brasil, Reino Unido, Alemanha, México.

 

Além de poder ouvir a todos os dinossauros na Deezer, o Dia do Rock será homenageado com classe por lá, com playlists takeover – quando o próprio artista assume o comando de uma playlist – de outros roqueiros que amamos, como Pitty, Far From Alaska, Fresno, Scalene, Capital Inicial, Maglore, CPM 22, Titãs, Supercombo e Carne Doce, fora slideshows e playlists dedicadas apenas ao gênero Rock.

 

Sobre a Deezer 

A Deezer conecta 14 milhões de fãs de música ativos mensalmente de todo o mundo com mais de 56 milhões de faixas. Disponível em 180 países em todo o mundo, a Deezer dá acesso imediato ao mais diverso catálogo de streaming de música em qualquer dispositivo. A Deezer é o único serviço de streaming de música com Flow, uma trilha sonora personalizada com suas músicas mais queridas e novas recomendações baseadas em dados algoritmos e nas sugestões dos nossos editores de música. Baseado em um algoritmo proprietário intuitivo e criado por pessoas que amam música, é o único lugar para ouvir as suas músicas em uma trilha sonora ilimitada com novas descobertas sob medida para você. Deezer está disponível no seu dispositivo preferido, incluindo smartphone, tablet, PC, laptop, sistema de home sound, sistema de áudio multimídia em carros, Smart TV ou console de videogames.

Fazendo a música acontecer desde 2007, a Deezer é uma empresa de capital fechado, com sede em Paris e escritórios em São Paulo, Londres, Berlin, Miami, Dubai e em outros lugares do mundo. Deezer está disponível com download gratuito para iPhone, iPad, Android e Windows ou na web em deezer.com.